.Portadores de Recados

.pesquisar

 

.Agosto 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Recados Recentes

. A desordem económica

. Dois países, um sistema

. Um novo ciclo...

. Não gosto nada disto

. Uma pergunta...

. Doentes ?

. Uma Nova Esperança

. Reforma do Estado ?

. Limitação de mandatos?

. ESTAMOS DE VOLTA

.Recados Antigos

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Março 2013

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

Segunda-feira, 22 de Julho de 2013

Um novo ciclo...

O desfecho da iniciativa presidencial foi o esperado.

 

Ou alguém acreditou que perante o "raspanete" de Cavaco PSD, CDS e PS fossem chegar a acordo?

 

Este acordo era impossível de alcançar. Mas se por acaso tivesse sido alcançado, então seria pior ainda, pois queria dizer que durante 2 anos os partidos tinham andado a brincar à política em vez de se sentarem à mesa a resolver os problemas do País.

 

Se o acordo tivesse sido alcançado, Cavaco teria tido enorme vitória. Tão grande quanto a machada final no sistema político partidário português.

 

O acordo não tendo sido alcançado, só restava ao Presidente fazer o que fez: manter o Governo em funções.

 

Arranquemos então para um novo ciclo!

 

Com mais economia e menos finanças.

 

Com mais vida real e menos ficheiros Excel!

 

Mas sobretudo com bom senso e responsabilidade. Da parte de todos! Ninguém está para aturar mais birras!

 

Este recado é de Rodrigo Mello Gonçalves às 01:12

Link do recado | Comentar | favorito
Segunda-feira, 15 de Julho de 2013

Não gosto nada disto

1. O Estado português vendeu/deu o BPN em troca de 40 milhões de euros.

 

     Mais ou menos o valor do passe do guarda-redes do Sporting, Rui Patricio.

 

     Hoje, no Público o comprador do BPN, o banco BIC, pede ao Estado uma indeminização de 100 milhões de euros.

 

     Portugal no seu melhor.

 

2. O ex- Sr. FMI, Strauss Khan deu uma entrevista à CNN.

 

    Não quero comentar as vicissitudes pessoias da sua vida privada.

 

    Mas, vale a pena dar atenção ao que ele disse sobre o nosso mundo.

 

    Assim,

 

    a) A Europa é gerida por imcompetentes.

 

    b) Perde e vai perder nos competitividade nos próximos anos por ausência de liderança e estratégia num mundo global.

 

    c) Que não percebe o que se passa com a Irlanda, com Portugal e com a Grécia. Somados devem ser 5% do PIB da Europa.

 

    d) Que o FMI não concorda com o programa de austeridade nestes paises.

 

3. O ex- tesoureiro do PP, Sr. Luis Bárcenas, abriu a boca, contou muitas verdades e implicou o actual 1º Ministro de Espanha, Mariano Rajoy numa ou várias histórias de corrupção.

 

A procissão ainda vai no adro.

 

Mas, será que em Portugal não haverá, em breve, um Bárcenas num partido politico a contar umas histórias sobre alguns politicos que ficaram muito ricos de um momento para o outro ?

 

   

Este recado é de João Pessoa e Costa às 10:40

Link do recado | Comentar | favorito
Quinta-feira, 4 de Julho de 2013

Uma pergunta...

A birra a que temos assistido na coligação já custou milhões de euros ao País!

 

Em 2 dias desbaratou-se muito do que tinha sido conseguido em 2 anos.

 

Perante isto, fica a dúvida: Com que cara é que quem nos governa pode vir amanhã pedir novos sacrificios? Com que legitimidade? Em nome de quê?

 

Nenhum deles soube medir as consequências dos seus actos? Nenhum deles conseguiu antever que as coisas não podiam ser feitas assim?

 

Então sai-se do Governo para no dia seguinte ir negociar com o PSD a salvação do Governo?

 

Tudo isto é muito triste. O País não podia, e muito menos devia, ser tratado desta forma.

 

O País merece mais respeito e os Portugueses que suportam o "brutal aumento de impostos" deviam ser tratados com mais consideração...

Este recado é de Rodrigo Mello Gonçalves às 01:48

Link do recado | Comentar | favorito
Quarta-feira, 3 de Julho de 2013

Doentes ?

Sinceramente, acho que os nossos politicos estão doentes.

 

Precisam de ser hospitalizados e medicados.

 

O que se passa em Portugal, lembra um hospital de malucos.

 

Onde tudo ralha e ninguém tem razão e vivem com um muro à volta, que os cerca, desligados do mundo real.

 

Eu, que sempre vivi em Alvalade- Av. do Brasil, lembro-me dos " malucos" do Júlio de Matos, que de vez em quando, fugiam do hospital para fumar um cigarro ou tomar um café com a rapaziada cá de fora. Era a hora da liberdade.

 

O circulo dos politicos profissionais é cada vez mais fechado. Trancado pela máquina partidária.

 

Não sabem quanto custa 1 bilhete de metro, não pagam ordenados, fogem de responsabilidades.

 

Vivem entre lugares no Estado, na Universidade e na Politica.

 

Não sabem fazer mais nada.

 

No mês de Agosto, vão a banhos.

 

Regressam em Setembro.

 

Para eleições.

 

Pobre Portugal.

Este recado é de João Pessoa e Costa às 17:01

Link do recado | Comentar | favorito
Terça-feira, 2 de Julho de 2013

Uma Nova Esperança

Na situação política a que chegámos, e ao contrário do que já dizem muitos, ainda há uma esperança. E ela reside no PPD/PSD.

 

Alguns Ministros do PSD e até independentes, bastantes deputados do PSD e muitos dirigentes do PSD vinham, à semelhança do CDS, a defender um novo rumo na política fiscal e financeira do Governo.

 

A saída de Gaspar poderia concretizar essa mudança. Mas Passos não a quis aproveitar.

Erradamente teimou em manter o rumo e a maior parte da equipa das Finanças.

Fez mal, ainda para mais sabendo que Portas não concordava. E começou a pagar o preço dessa escolha.

 

O PSD tem agora de reflectir sobre o que quer fazer e o que quer para o País.

O PSD pode escolher um novo líder e uma nova equipa que proceda a essa mudança tão reclamada por muitos, até dentro do próprio partido.

Uma nova equipa que consiga formar governo com o CDS no actual quadro parlamentar, e que consiga até trazer uma Nova Esperança a Portugal.

 

Isto é possível. Diria mesmo que desejável.

 

Ir para eleições agora é tudo o que o País dispensa. Até porque a alternativa é aquela que se sabe.

Este recado é de Rodrigo Mello Gonçalves às 18:14

Link do recado | Comentar | ver comentários (2) | favorito